Visitantes desde 08 de Fevereiro de 2016

Visitors since February 08, 2016

A reprodução ou publicidade de seu conteúdo são permitidas apenas para finalidade educativa, desde que citada a fonte.

Reproduction or publicity of any of content  are allowed exclusively for educational purposes, with mention about the source .

 

TRIBOSFÊNIOS

Tribosphenians
Mamíferos tribosfênios abrangem uma linhagem muito antiga, que remonta há mais de 160 milhões de anos atrás. Atualmente incluem todos os marsupiais e placentários, além de uma grande diversidade de pequenas formas consideradas mais primitivas. Sua denominação tem origem no formado triangular de seus dentes molares, que constitui o principal tipo de registro fóssil conhecido destes animais – especialmente das variedades mais antigas. A aparência dos primeiros mamíferos tribosfênios é desconhecida, mas supõe-se que fossem semelhantes aos atuais gambás. 
 
 
Tribosphenian mammals form a very ancient lineage dating back more than 160 million years ago. At present they include all marsupials and placental mammals, in addition to a great diversity of small and more primitive extinct forms. Their name come from their triangular-shaped molar teeth, which is their main fossil remains. The general shape of the first tribosphenian mammals is unknown, but they are supposed to be similar to the present opossums.
 
 

PARA SABER MAIS  find more about

ATTENBOROUGH, D. 2002. The Life of Mammals. Princeton: The Princeton University Press, 320p.

 

BERGQVIST, L.P.; ALMEIDA, E.B. 2004. Biodiversidade de mamíferos fósseis brasileiros. Revista Universidade de Garulhos. Garulhos: Universidade de Guarulhos, 9 (6): p.54-68.

CASTRO, M.C.; GOIN, F.J.; ORTIZ-JAUREGUIZAR, E.; VIEYTES, C.; TSUKUI, K.; RAMEZANI, J.; BATEZELLI, A.; MARSOLA, J.C.A.; LANGER, M.C. 2018. A Late Cretaceous mammal from Brazil and the first radioisotopic age for the Bauru Group. Royal Society Open Science. London: The Royal Society, 5 (5): 180482. 

HEISER, J.B.; JANIS, C.M.; POUGH, F.H. 2008. A Vida dos Vertebrados (4ed.). São Paulo: Atheneu, 718p.

 

MACDONALD, D.W. 2009. The Princeton Encyclopedia of Mammals. Princeton: The Princeton University Press, 976p.

 

RANZI, A. 2000. Paleoecologia da Amazônia: Megafauna do Pleistoceno. Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina, 101p.